sexta-feira, dezembro 28, 2007

Um recorrente convém de plano que se fez.

O desejo
entre dispõe
e languesce
a eternidade
que perpassa
no que têm;
que tinha a ver
que era de ser -


Lutas nos dias
do terror libertam
urros que correm
no movimento servil...


Nrocha07


Debaixo do Bulcão poezine
Número 31 - Almada, Dezembro 2007

3 comentários:

Madalena Barranco disse...

António, puxa, a poesia de Nrocha07 traz o momento que se eterniza um grito e sequer se ouve... Beijos e feliz ano novo!!!!

Charroco disse...

Êu e toda a rapaziada lá do Charroco passamos por aqui p'ra desejari umas boas entradas e um ano novo cheio de coisas boas com muita saúdi .
Atéi p'ró ano .

Debaixo do Bulcão disse...

As actualizações deste blogue estão suspensas até que eu, António Vitorino, tenha novamente acesso regular a um computador, ou até que o outro editor, Miguel Nuno, regresse de férias.

Desculpem qualquer coisinha.

E obrigado pelas visitas, e pelos comentários.

Até já!

António Vitorino