domingo, julho 29, 2007

Dúvida metódica...

...ou discurso do Velho do Restelo ao investigador científico


agora que descobriste a molécula
tens a certeza que descobriste a molécula?
eu sei que és sagaz
mas pensas que os teus olhos nunca te enganam?
descobriste o cristal, mereces o prémio nobel
mas tens a certeza que descobriste o cristal?
sim descobriste
mas sabes o que vive dentro daquilo que descobriste?
tens a certeza?
por dentro
viste?

António Vitorino

Debaixo do Bulcão poezine - número 18 - Almada Junho 2002

3 comentários:

Nuno Rocha disse...

Bravo !

Debaixo do Bulcão disse...

Parafreaseando a grande Amália Rodrigues: «obrigado, obrtigado!... eu não mereço!...)

Vitorino

Madalena Barranco disse...

Ah, António, que beleza de poesia reflexiva! Os olhos enganam e quem vê os átomos dentro dos versos é a alma do poeta. Beijos.